Temporada de Solteiro: Dia 10

De novo, 10h30 da manhã. Pelamadrugada! Eu só lembro de ter dormido tanto assim quando ainda morava na casa da minha mãe e fazia faculdade. A primeira faculdade (Vamos deixar datas fora deste assunto, ok?) Desço as escadas, ainda com a cara amassada. O Luiz já tá de pé (claro! Só urso no inverno dorme tanto quanto eu!) De novo, como já é quase meio-dia, saímos pra tomar café fora. Outro brunch, desta vez no Le Cochon Dingue aqui perto de casa. Como o próprio nome diz, comemos iguais uns porcos num café da manhã à base de bagel, bacon, manteiga de maçã, fèves au lard, ovos, salada de frutas, suco de laranja, panqueca e mais alguma coisa que eu não consigo nem lembrar senão já começo a passar mal.

Batatas! Era isso que eu tinha esquecido!

Ah sim. Lembram da chuva que me fez dormir a noite (e um bom pedaço da manhã) inteira ? Pois é. Ela continuou caindo o dia inteiro, em volume suficiente pra deixar qualquer espertalhão que sai de bermuda de casa completamente ensopado. Mas, é melhor isso do que a neve cubrindo a sua casa.

Saímos do restaurante e fomos dar uma volta pra ver se encontrávamos um presente pro filho do Luiz. Depois de andar em algumas lojas, compramos o presente do guri e voltamos pra casa, ainda estufados como peru em véspera de Natal. Depois daquela enrolada padrão e de lavar a louça da semana, o ócio bateu em casa e era preciso fazer algo pra passar o tempo enquanto a chuva AINDA desabava lá fora. Solução clássica: filme com pipoca. Netflix ao meu socorro, sugeri que assistíssemos “Predators”. Em três palavras? NUNCA ASSISTAM ISSO! Filmezinho sem vergonha, mequetrefe. Perdi meu tempo vendo o que pretendiam que fosse uma versão atualizada do Schwarzenegger. Aff…

Enfim, café da manhã digerido, hora de jantar, resolvi fazer um yakisoba pra gente. Apesar de ter ficado BEEEM meia boca, o Luiz foi educado e disse que estava bom. ehhehehe. Bom guri =)

Amanhã é segunda-feira de novo e dia de batalhar. Pro Luiz é dia de viagem. O vôo dele sai as 16h, então eu devo deixá-lo no aeroporto em torno das 13h30. Logo, é bom ir domir (algo que eu QUASE não fiz hoje).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *